Equipe econômica de Bolsonaro não durará seis meses, projeta Cid Gomes

Ex-governador diz que estilo "grosseiro" de Paulo Guedes vai prejudicar governo Bolsonaro
Reprodução / YouTube
Senador eleito pelo PDT do Ceará, o ex-governador Cid Gomes até diz torcer para que o governo Jair Bolsonaro (PSL) dê certo, mas demonstra um pessimismo decorrente do realismo ao falar sobre o ministro escolhido para capitanear a política econômica a partir de 1º de janeiro de 2019, o economista e empresário Paulo Guedes. Para Cid, o estilo "truculento" do futuro superministro – ele abarcará as pastas da Fazenda e do Planejamento, no que será chamado de Ministério da Economia – o levará à queda prematura.

"A palavra que define melhor [o futuro governo] é imponderabilidade", disse o engenheiro civil de formação, neste domingo (11), em entrevista ao programa Poder em Foco (SBT), apresentado pela jornalista Débora Bergamasco.

"Eu, sinceramente, não arrisco um prognóstico em relação ao governo Bolsonaro. Arrisquei, aqui, alguns palpites. Acho que a equipe econômica e o Bolsonaro não conseguirão se relacionar num período superior a seis meses", acrescentou, ao final do programa de TV.


O Congresso em Foco integrou a bancada de convidados para sabatinar o pedetista. Instado a comentar não só o futuro do próximo governo, mas também o que está em curso no governo de transição, em que ministro desautoriza colegas, Cid manifestou preocupação com os rumos do país – embora diga, por exemplo, que o Brasil não corre risco de reviver os "anos de chumbo" do golpe militar.

"Acho que, se não foi intencional, mas acabou sendo uma coisa extremamente importante para ele, Bolsonaro, foi a escolha do general Hamilton Mourão [PRTB] como vice. As pessoas vão pensar duas vezes antes de fazer um impeachment", ironizou Cid, referindo-se ao oficial do Exército que, ainda em agosto, defendia intervenção militar caso o ex-presidente Lula (PT), preso e tornado inelegível com base na Lei da Ficha Limpa, conseguisse se candidatar nas eleições deste ano.

Veja a íntegra do programa:

Dizendo-se preparado para a batalha que enfrentará com a extrema-direita no Congresso, Cid falou sobre temas espinhosos como o projeto escola sem partido ("Escola não deve ser espaço de aparelhismo partidário"), a escolha do juiz Sérgio Moro para a equipe ministerial (Justiça e Segurança Pública) e a relação que já começou tumultuada entre Paulo Guedes e os atuais membros do Congresso.

Informado pelo Congresso em Foco sobre a conversa "ríspida" que o economista travou com o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), com o objetivo de pressioná-lo em nome da reforma da Previdência, o ex-governador lamentou o fato de que o futuro ministro Paulo Guedes, "em vez de tratar bem [os congressistas], é ríspido, grosseiro".

Fogo amigo

Cid ganhou os holofotes na reta final da corrida presidencial ao cobrar do PT, em um palanque repleto de petistas e de uma plateia idem, um "mea culpa" pelos erros na condução do país com Lula e Dilma Rousseff. No dia seguinte, o senador eleito gravou vídeo em que explica a bronca nos petistas, mas reafirma voto no presidenciável Fernando Haddad.

Assista:

Novamente questionado pela reportagem deste site sobre o desabafo diante de petistas, Cid negou que alguém o tenha orientado a gravar o vídeo. Nesse sentido, disse ter agido por coerência política, uma vez que já tinha anunciado de que lado estava nas eleições deste ano. "Eu quis gravar o vídeo", declarou.

Também participaram da entrevista com Cid Gomes no SBT os jornalistas Márcia Lorenzatto, principal produtora da emissora no Congresso, e Ricardo Galhardo, da editoria de política do jornal O Estado de S. Paulo.


Fonte:https://ift.tt/2zBd61M




from Ebahia News https://ift.tt/2B4qiuA

COMMENTS

Nome

ADEB,1,Bahia,348,Brasil,426,Brasília,1,Camaçari,1,Cláudia Wild,3,Colunista,3,Colunista Jovem,3,Condeúba,5,D'jane Silva,6,Denúncia,23,des,1,Destaque,854,Economia,35,Educacao,11,Elizeu Rosa,19,Entretenimento,58,Esporte,19,Eunápolis,19,Feira de Santana,30,Governador Mangabeira,10,Ilhéus,21,intretenimento,5,Itabuna,23,Jequié,76,Lauro de Freitas,4,Mundo,85,Noticias,1146,Politica,552,Porto Seguro,15,Presidente Tancredo Neves,6,Salvador,428,Saúde,12,Segurança Pública,3,Teixeira de Freitas,22,Vitória da Conquista,33,
ltr
item
Âncora News: Equipe econômica de Bolsonaro não durará seis meses, projeta Cid Gomes
Equipe econômica de Bolsonaro não durará seis meses, projeta Cid Gomes
https://static.congressoemfoco.uol.com.br/2018/11/Cid-750x430.png
https://i.ytimg.com/vi/0x2LuxFtIYc/default.jpg
Âncora News
http://www.ancoranews.net/2018/11/equipe-economica-de-bolsonaro-nao.html
http://www.ancoranews.net/
http://www.ancoranews.net/
http://www.ancoranews.net/2018/11/equipe-economica-de-bolsonaro-nao.html
true
563360971225838415
UTF-8
Todas as publicações Não foi encontrada nenhuma postagem VER TUDO Mais informação Resposta Cancelar resposta Delete Por Home PAGES POSTS View All RECOMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARQUIVO SEARCH TODAS AS PUBLICAÇÕES Não encontrou nenhuma correspondência de pós com seu pedido Voltar Início Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share. STEP 2: Click the link you shared to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy