Deputado pede que PF investigue possível venda de mandato de Jean Wyllys

José Medeiros protocolou pedido de investigação contra ex-deputado.
Membro da Bancada Evangélica, o deputado José Medeiros (PODE-MT) suspeita que o ex-deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) pode ter vendido seu mandato para o suplente, David Miranda (PSOL-RJ).

Medeiros protocolou um ofício para a Procuradoria-Geral da República (PGR) e para a Polícia Federal (PF) reforçando o pedido de investigação.
PUBLICIDADE

Membro da Bancada Evangélica, o deputado José Medeiros (PODE-MT) suspeita que o ex-deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) pode ter vendido seu mandato para o suplente, David Miranda (PSOL-RJ).

Medeiros protocolou um ofício para a Procuradoria-Geral da República (PGR) e para a Polícia Federal (PF) reforçando o pedido de investigação.

Wyllys deixou o cargo alegando perseguição e ameaças, abrindo caminho para que David assumisse na Câmara dos Deputados. Por isso, José Medeiros pede que os sigilos fiscais de Wyllys e do jornalista Glenn Greenwald sejam quebrados.

O jornalista é o companheiro de David, e responsável por vazar ilegalmente conversas entre o ex-juiz Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol.

Editor-chefe do site The Intercept, Glenn Greenwald é próximo de Wylys e não esconde seu desafeto pelo presidente Jair Bolsonaro, que também é alvo de críticas do ex-deputado.

O norte-americano já usou o Twitter para afirmar que seria preciso uma “estratégia eficaz para bater Bolsonaro”.

Esses diálogos entre integrantes da força-tarefa da Lava Jato foram obtidos de maneira anônima, mas não se descarta ligação do jornalista com hackers responsáveis pela invasão dos celulares das autoridades.

“Tem que parar de ser ingênuo. Há um claro objetivo político de desestabilizar tudo, parar a Lava Jato e impedir a reforma da Previdência. Estamos em guerra contra uma quadrilha”, disse José Medeiros ao O Antagonista.

Para o deputado, Glenn também pode ter financiado os ataques contra as autoridades, pagando hackers para invadir os celulares dos procuradores e posteriormente alegando que a fonte da matéria é anônima. Para ele, trata-se de uma “invasão cibernética promovida e patrocinada por estrangeiros”.


from Ebahia News http://bit.ly/2F43mgY

COMMENTS

Nome

ADEB,1,Bahia,357,Brasil,432,Brasília,2,Camaçari,1,Cláudia Wild,3,Colunista,3,Colunista Jovem,3,Condeúba,5,D'jane Silva,6,Denúncia,27,des,1,Destaque,873,Economia,35,Educacao,11,Elizeu Rosa,19,Entretenimento,58,Esporte,19,Eunápolis,19,Feira de Santana,30,Governador Mangabeira,10,Ilhéus,21,intretenimento,5,Itabuna,23,Jequié,76,Lauro de Freitas,4,Mundo,85,Noticias,1148,Politica,553,Porto Seguro,15,Presidente Tancredo Neves,6,Salvador,432,Saúde,13,Segurança Pública,3,Teixeira de Freitas,22,Vitória da Conquista,33,
ltr
item
Âncora News: Deputado pede que PF investigue possível venda de mandato de Jean Wyllys
Deputado pede que PF investigue possível venda de mandato de Jean Wyllys
https://www.gospelprime.com.br/wp-content/uploads/2019/06/jean-wyllys.jpg
Âncora News
http://www.ancoranews.net/2019/06/deputado-pede-que-pf-investigue.html
http://www.ancoranews.net/
http://www.ancoranews.net/
http://www.ancoranews.net/2019/06/deputado-pede-que-pf-investigue.html
true
563360971225838415
UTF-8
Todas as publicações Não foi encontrada nenhuma postagem VER TUDO Mais informação Resposta Cancelar resposta Delete Por Home PAGES POSTS View All RECOMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARQUIVO SEARCH TODAS AS PUBLICAÇÕES Não encontrou nenhuma correspondência de pós com seu pedido Voltar Início Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share. STEP 2: Click the link you shared to unlock Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy