$type=grid$show=home$count=2$cate=0$rm=0$sn=0$au=0$cm=0

Pesquisadores conseguem bloquear ação do zika em camundongos


Agência Brasil 
Pesquisadores do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (ICB-USP), em parceria com cientistas das universidades de Harvard e de Buenos Aires, conseguiram desvendar e bloquear a ação do vírus zika em camundongos, evitando a microcefalia em seus fetos. O trabalho, que contou com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), foi publicado na revista Nature Neuroscience.

Em 2016, pesquisadores do mesmo ICB-USP e da Plataforma Pasteur-USP, liderados pelo professor Jean Pierre Schatzmann Peron, conseguiram comprovar, a partir do estudo em camundongos, que o zika era o causador da microcefalia e defeitos congênitos em fetos de fêmeas contaminadas com o vírus.

Agora, uma nova pesquisa da mesma equipe desvendou os mecanismos usados pelo zika para driblar o sistema de defesa imunológica dos camundongos – que possibilitam que o vírus atravesse a placenta, aloje-se no cérebro dos fetos e se multiplique desenfreadamente em seus neurônios, causando microcefalia.

Segundo o estudo, o zika age estimulando uma proteína, o receptor aril hidrocarboneto, ou AHR. Uma vez ativado, o AHR limita a defesa imunológica do organismo, coibindo a produção de interferon tipo 1 – de enorme importância na imunidade antiviral inata de camundongos e humanos – e a proteína PML, que inibe a replicação do vírus.

“O trabalho tem duas grandes mensagens, uma de que o vírus usa essa molécula chamada AHR para suprimir a resposta imune. Então, ele se dá bem porque inibindo isso, lógico, ele consegue se replicar. E o segundo, é de que o AHR se torna um braço terapêutico”, disse o professor Jean Pierre Schatzmann Peron.

A partir da descoberta, os pesquisadores passaram a testar nos camundongos uma droga que inibe a ação da proteína AHR. A substância já estava sendo testada em humanos, mas com outra finalidade. 

“Descobrimos uma droga que ainda se encontra em estágio de desenvolvimento, mas que foi capaz de inibir a ativação do AHR induzida pelo Zika”, ressaltou Peron. Os pesquisadores administraram a droga em fêmeas prenhes de camundongos infectados com zika e puderam perceber a melhora nas lesões por todo o corpo. No caso dos neurônios no cérebro, o remédio bloqueou em 100% a ação do vírus.

“Os fetos tratados com a droga voltaram a nascer com peso normal. O comprimento total dos animais também melhorou. Na placenta e no cérebro, pudemos observar que a remissão do vírus foi total,” disse o pesquisador.

De acordo com o cientista, agora que a droga experimental mostrou resultados excelentes nos camundongos, o próximo passo seria algum laboratório se interessar em fazer a mesma pesquisa com macacos, que é um estágio preliminar obrigatório antes do início dos testes clínicos em humanos.

“O que precisa agora é comprovar em outras espécies, como em macacos, por exemplo, que a droga é eficaz e o fenômeno se reproduz. E depois repetir isso para o ser humano. Mas, primeiro, como se trata de estudo em grávidas, precisamos saber se a droga é tóxica ou não na gravidez”, ponderou.

De acordo com o Ministério da Saúde, o vírus zika é um arbovírus, transmitido por picadas de insetos, especialmente mosquitos. A doença causada pelo zika apresenta risco superior a outras arboviroses, como dengue, febre amarela e chikungunya. Uma das principais complicações é a microcefalia em fetos. A doença começa com manchas vermelhas em todo o corpo da mãe, olho vermelho, pode causar febre baixa, dores pelo corpo e nas juntas, também de pequena intensidade.

No caso de o feto ser infectado durante a gestação, pode desenvolver lesões cerebrais irreversíveis e ter comprometida, definitivamente, toda a sua estrutura em formação. O comprometimento nesses casos é tão importante que algumas crianças, ao nascer, têm uma deformação dos ossos da cabeça, sinal do não crescimento adequado do cérebro.


from Ebahia News https://ift.tt/30yviDD

COMMENTS

Nome

@alba,3,@alba Destaque,3,@deputadonelsonleal,1,abril,21,ADEB,1,ALBA,5,Aliança Pelo Brasil,1,Assembleia de Carinho,1,Bahia,367,BOLSONARO,1,Brasil,434,Brasília,3,Camaçari,1,Carnaval,1,Cláudia Wild,3,Colunista,3,Colunista Jovem,3,Condeúba,5,Coronavirus,1,D'jane Silva,6,Denúncia,27,des,5,Destaque,882,dez,5,Economia,35,Educacao,11,Elizeu Rosa,20,Entretenimento,58,Esporte,19,Eunápolis,19,Feira de Santana,30,Governador Mangabeira,10,Ilhéus,21,intretenimento,5,Itabuna,23,Itanagra,1,IVB,1,Jequié,76,Lauro de Freitas,4,Lavagem de Itapuã,2,Mundo,85,Noticias,1149,Politica,555,Porto Seguro,15,Prefeita Dâna Maria,1,Presidente Tancredo Neves,6,Publicidade,2,Salvador,438,Saúde,13,Segurança Pública,3,Simoes Filho,1,Simões Filho,1,Teixeira de Freitas,22,Vera Cruz,1,Vitória da Conquista,33,
ltr
item
Âncora News: Pesquisadores conseguem bloquear ação do zika em camundongos
Pesquisadores conseguem bloquear ação do zika em camundongos
https://imagens.ebc.com.br/jKryy33XlJfP-jSBWRsYo0qUFW4=/1170x700/smart/https://agenciabrasil.ebc.com.br/sites/default/files/atoms/image/1019000-11052016dsc_0383-.jpg?itok=bj2uwlva
Âncora News
http://www.ancoranews.net/2020/07/pesquisadores-conseguem-bloquear-acao.html
http://www.ancoranews.net/
http://www.ancoranews.net/
http://www.ancoranews.net/2020/07/pesquisadores-conseguem-bloquear-acao.html
true
563360971225838415
UTF-8
Todas as publicações Não foi encontrada nenhuma postagem VER TUDO Mais informação Resposta Cancelar resposta Delete Por Home PAGES POSTS View All RECOMENDADO PARA VOCÊ LABEL ARQUIVO SEARCH TODAS AS PUBLICAÇÕES Não encontrou nenhuma correspondência de pós com seu pedido Voltar Início Sunday Monday Tuesday Wednesday Thursday Friday Saturday Sun Mon Tue Wed Thu Fri Sat Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez just now 1 minute ago $$1$$ minutes ago 1 hour ago $$1$$ hours ago Yesterday $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago more than 5 weeks ago Followers Follow THIS PREMIUM CONTENT IS LOCKED STEP 1: Share to a social network STEP 2: Click the link on your social network Copy All Code Select All Code All codes were copied to your clipboard Can not copy the codes / texts, please press [CTRL]+[C] (or CMD+C with Mac) to copy Table of Content